TEMER: PRISÃO INJUSTA?

Inimigos políticos declarados e jornalistas de diversas matizes são unânimes em afirmam que o juiz federal Marcelo Bretas não conseguiu apresentar na sua decisão sobre acatar o pedido de prisão do ex-presidente Michel Temer um argumento sequer que esteja previsto na legislação penal brasileira. Grande parte deles lembra que Temer pode até ser responsável pelos crimes que lhe são imputados, mas sua prisão não se justifica diante dos motivos expostos. Lembram também que o ex-presidente tem endereço fixo e esteve à disposição da justiça sempre que requisitado. Outro aspecto que causou estranheza foi o anúncio de que Temer lidera uma quadrilha há 40 anos, que pode ter arrecadado R$ 1,8 bilhão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s