PARANAVAÍ DECLARA GUERRA A RESPONSÁVEIS POR FOCOS DO AEDES

Primeiro a prefeitura de Paranavaí promoveu a Ronda da Dengue, que resultou na prisão de três responsáveis por grandes focos de larvas do mosquito transmissor da dengue em seus imóveis, o Aedes aegypti, e promete levar a iniciativa para todos os bairros em que o índice de infestação esteja acima do preconizado pela OMS, ou seja, acima de 1%. Até o dia 12 deste mês, a Secretaria de Saúde já tinha confirmado 26 casos de dengue. Hoje, em sua página no Facebook, o prefeito Delegado KIQ informou que irá aplicar a “lei de arrecadação de bem vago” e que “não vamos ficar limpando imóvel dos outros”. Ele adiantou que essa lei permite tomar o imóvel e vendê-lo para a construção de casas populares. A referida lei (nº 4.126/2013) foi sancionada pelo então prefeito Rogério Lorenzetti e prevê que os imóveis urbanos que não cumprirem com sua função social serão submetidos a procedimento administrativo prévio, com amplo direito de defesa e contraditório, e constatado o abandono, será considerado bem vago. A lei prevê que após três anos a propriedade passa a ser da prefeitura. Segundo Lorenzetti, a lei foi proposta justamente para combater os terrenos abandonados que servem de geradores de focos do Aedes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s