TRAPALHADAS DO DIA: DE GLEISI A BOLSONARO

A classe política brasileira nos reservou boas trapalhadas para esta quinta-feira. A começar pela presidente do PT, Gleisi Hoffmann, que comandou o boicote à posse do presidente eleito, Jair Bolsonaro, com o argumento de irregularidades durante a campanha, está hoje em Caracas, na Venezuela, para a posse de Nicolás Maduro, uma unanimidade em irregularidades durante a campanha que o reconduziu à presidência do país. Países dos mais variados e entidades defensoras de direitos humanos condenaram a forma como Maduro conduziu a eleição, mas Gleisi ignora os fartos argumentos e está lá para prestigiar o arremedo de ditador. Já o presidente eleito, Jair Bolsonaro, desdizendo o que havia afirmado depois de eleito e antes de tomar posse, de que em sua gestão não haveria indulto para pessoas condenadas, informou sua intenção de executar um indulto “humanitário”, deixando muitos de seus eleitores com raiva da decisão. Afinal de contas, ele foi eleito para pegar pesado na questão da violência e da criminalidade e agora vem com esse refresco para os presos. Para não ficar de todo mal com o eleitorado, os condenados por corrupção não serão agraciados pelo indulto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s